sexta-feira, 8 de junho de 2012

Um dos melhores livros do ano


A obra "Filosofando com os Super-Heróis" é um dos finalista ao prêmio de livro do ano, na categoria não-ficção,  pela Associação Gaúcha de Escritores (AGES). Foi escrito por meu amigo Gelson Weschenfelder e lança uma visão inédita sobre alguns dos mais populares personagens dos quadrinhos, conceituando-os dentro do universo da Filosofia. Trata-se ao mesmo tempo de uma declaração de amor de um fã das HQ's e também uma profunda análise científica de um educador, que transporta o leitor com maestria, fazendo com que ele compreenda o quanto aqueles personagens influenciaram positivamente a tantas gerações e, por isso mesmo, se eternizaram como ícones da cultura popular, merecidamente.

O livro de Gelson Weschenfelder inteligentemente interage com diferentes públicos: as crianças são atraídas pelos super-heróis e aprendem que a filosofia pode ser tão divertida quanto os gibis ou filmes. Por sua vez, os adultos descobrem por meio da filosofia, o quanto aqueles personagens podem ter influenciado a sua vida. De minha parte, lendo sobre os atos de lealdade, amor, justiça, perdão e sacrifício, fui assimilando o quanto cada personagem das HQs contribuiu com minha formação moral. (Grandes poderes trazem grandes responsabilidades). 

E apesar de abordar sobre personagens tão populares, o livro Filosofando com os Super-Heróis nos mostra uma faceta diferenciada de cada um deles, colocando-os à luz da compreensão psicológica, criando aquela identificação que tanto buscamos. Com isso, o autor nos mostra o porquê desse fascínio: se queremos ser pessoas boas e virtuosas, buscamos bons exemplos a imitar. E que melhor exemplo a seguir do que o de um super-herói, pensei, após terminar de (re)ler esse livro superinspirador.

Nenhum comentário: