quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Mais uma imbecilidade da Folha de São Paulo...


É incrível como o jornal Folha de São Paulo dá bola fura. O fato de ser um jornal de grande tiragem, dotado de uma enorme estrutura não o torna melhor. Pelo contrário: volta e meia o dedo de seus editores torna-se visível e a credibilidade da Folha fica risível.

Há algum tempo, o periódico foi alvo de protestos por sua tentativa de reescrever a história do Brasil ao usar o termo "ditabranda", referindo-se à ditatura militar. Queriam dizer que os militares, quando governaram o país, não teriam sido tão duros. (As torturas tantas que ocorreram, talvez fossem "jogos educativos", tal qual propõe Roberto Begnini em seu filme A Vida é Bela, maquiando a realidade para seu filho?)

Mas a última da Folha: anunciaram que o presidente Lula havia oferecido concessão de refúgio ao terrorista italiano Cesar Battisti. Em um editorial, a Folha sentencia o seguinte:

Ao decidir pela concessão, Lula arrisca ferir o tratado de extradição do Brasil com a Itália, o que poderia levar até a pedido de impeachment.

Olha a imbecilidade, o desespero, a prepotência, dos fascistas editores da Folha. Faltam aí dois dias para o Lula entregar a faixa presidencial para a Dilma. E os babacas ainda sonham com um impeachment que, durante oito anos, eles incentivaram incessantemente. Com artigos tão imbecis (ou mais) quanto este...

E criticar o Tiririca de quê jeito, com "formadores de opinião" desse naipe?

Nenhum comentário: