segunda-feira, 18 de outubro de 2010

E-mail de Graciela Ferraris

Oi Márcio

Ttudo bem? Naqueles dias em que tu publicou o que eu te escrevi sobre a casa do Caio no teu blog eu quis fazer um comentário nele mas não consegui, alguma coisa errada parece, não sei....

Por isso te escrevo por aqui. Olha, andei "passeando" pelo teu blog, e sabe, quando a saudade de Santiago é muuuuuuuita, já se torna quase insuportável, o melhor remédio é entrar no teu blog e ler, ver vídeos, fotos, comentários etc daquela cidade que amo e das pessoas que nela vivem e conheço.
Assim soube que Oracy é canceriano como eu, quase somos do mesmo dia (um dia de diferença), ele é do 26 de junho e eu do 27.

Soube e com muita alegria que já inaugurou a casa do poeta, dia 3 de setembro, e que leva o nome do Caio, por isso te mando meus parabéns!!!!! por aqui, em teu nome para a cidade toda!!!!! Imagina a minha emoção ao ler as palavras sobre a inauguração dessa casa em homenagem ao Caio, tendo ele como patrono, e o pensamento dele, a divulgação da sua obra como bem merece.

Eu queria muito estar aí, nesse momento, tudo bem, não deu, será qualquer dia em que possa ir por aí por Santiago, cidade que ainda tenho que conhecer melhor e andar bastante.

Nesse 2010 eu ia viajar pro Brasil (pro sul, lógico, ao pampa) mas não foi possível até agora e acho que vai terminar esse ano sem que eu apareça por lá, talvez por isso a saudade é maior, mas tive muito trabalho aqui e foi importante que eu ficasse, imagina, os Morangos mofados do Caio já estão se transformando em Frutillas...... no prelo de uma editora argentina.

Assim que estiverem prontas essas Frutillas vou aparecer por Santiago levar um livro para a biblioteca, ou à casa do Poeta, ou quem sabe, mais um livro do Caio traduzido para o espanhol e que será lançado na Argentina, no resto da América hispânica, e na Espanha.

Vi fotos, fez frio nesse inverno, né? Márcio vou te deixando com um grande abraço, sempre presente nos meus pensamentos e lembranças, assim que puder apareço em Santiago e visito esses lugares tão especiais que estão me esperando.

Abraço também para todos que conheço por lá, com muito agradecimento, saudade e carinho
A gente se vê!

Graciela



Graciela Ferraris é professora de língua portuguesa e tradutora. Mora em Córdoba, na Argentina. Traduziu para o espanhol "Pequeñas Epifanías", de Caio Fernando Abreu.

Nenhum comentário: