segunda-feira, 5 de julho de 2010

Sobre a avaliação dos vereadores...

Há poucos dias postei aqui no blog uma avaliação sobre a atuação de cada vereador da Câmara de minha cidade. Pois bem, outro dia cruzei pelo vereador Pelé (PP), que disse não ter gostado do meu comentário, pois eu só tinha dado "nota 10" para o vereador Diniz (PMDB), com quem trabalhei como chefe de gabinete na época em que foi presidente da Câmara. Retruquei-o, observando que também havia dado nota também 10 para o vereador Bianchini (PP). Quando à atuação do Pelé, disse que considerava a nota que havia dado para ele acima da média (7.5), pois ele era esforçado.

Mesmo assim, Pelé não gostou de que eu tivesse dado uma avaliação tão pouca para ele. Já no sábado, conversei brevemente com o vereador Bianchini, que encontrei ali na lancheria Ponto X. Primeiramente, perguntei como estava sua saúde, tendo em vista o acidente que sofreu há poucos dias. "Estou bem. Era para eu ficar 45 dias parado. Consegui ficar uma semana", disse-me. Em seguida, disse que havia gostado de meu comentário sobre a atuação dos vereadores. "Tu foi muito feliz na tua avaliação. É aquilo mesmo, foi bem equilibrado e justo", comentou. Acabei contando-lhe sobre o "pito" que o Pelé tentou me passar. E finalizei. "Acontece que um mandato político é sempre público e não privativo de alguém. Portanto, podem ser feitas todas e quaisquer avaliações sobre isso". Bianchini concordou.

Para ler a postagem que avaliei os vereadores, clique aqui

Nenhum comentário: