sábado, 26 de junho de 2010

Oracy: 80 anos


Neste sábado, 26 de junho de 2010, o escritor Oracy Dornelles completa os seus 80 anos. É motivo de comemoração em minha cidade, Santiago, já que a vida de Oracy se mistura à própria história da cidade. Ele acompanhou sempre de perto os principais acontecimentos que marcaram muitos dos 126 anos de Santiago. É autor de 12 livros, entre poesia, prosa e caricaturas. Seus versos são modernos, revolucionários, à frente de seu tempo.

Além de escritor, Oracy tornou-se famoso em todo o Brasil com o seu Circo de Pulgas, uma atração que chegou a ser apresentada há alguns anos no programa Jô Soares e também em outros canais. Foi motivo de reportagens em vários jornais e revistas. É micropintor, cartazista, letrista, estudioso dos astros, apaixonado por Literatura e Música Clássica. São muitas as facetas de Oracy, a quem parabenizo por esse glorioso dia, já que é uma honra completar 80 anos gozando de tanta vitalidade. Por fim, deixo para apreciação três poemas, de seu livro "antologia a":

HQs

homenagem

1.100 heróis dos quadrinhos

da magra nominata
à goida enciclopédia

edgar ri
hogarth desenha
tarzan obselva

no computador

piada imortal
coringa gargalha
robin bate mão
bob escaneia

a fábrica misteriosa

retrato falado
roteiro de fuga

gangster planeja
dick traça

ao postor
no tempo do rei arthur
o príncipe valia

dever de casa
mirim
jack risonho no espaço
um fio de vida
em cada torcida

milton caniff
terrycola

arrisca o espaço em nankin

altos riscos de luz
que nem o sombra sabe

santiago cartuneia
macanudo tá rindo

aninha a pequena orfã
ficou moça

da edição semanal
à menstrual

quadrinhos de mongo
alex remonta
o último capítulo

flash ama
dala arde

continua

torce o dedo
ming
flash emagrece

edição especial de volta à terra
oito álbuns

flash gordon e dale arden grudadinhos

capa dura

despacho

mandrake contra a inflação

lothar bem

esse monstro
não tem no gibi

fim
-------

encanto de ulisses

eu era
tu eras
ele ezra

eu ponho
tu pões
ele pound

eu gemo
tu gemes
ele james

eu oiço
tu ouves
ele joyce
-----
d.C.

antes de cristo foram os phenícios
mediterrâneos de viagens
tiro sidon cádis
jóia minas púrpuras e sedas

mas o comércio mudou
a partir de 1.099

Um comentário:

Weimar Donini disse...

Parabéns ao Oracy.

Testemunha e agente de transformações de uma época.

Vida longa ao poeta.