segunda-feira, 10 de maio de 2010

Aranha gigante em Ernesto Alves...


Se você pretende visitar o distrito de Ernesto Alves, em Santiago, tenha muito cuidado ao cruzar pela ponte sobre o Rio Rosário. É lá que mora uma aranha gigante que, a julgar pela foto, tenha cerca de uns 18 metros de comprimento. Essa a foto aí foi feita por um desavisado fotógrafo, poucos instantes antes de virar papinha do aracnídeo.

A câmera ficou caída sobre a cabeceira da ponte e foi encontrada por um grupo caçadores de aranhas gigantes, liderados pelo doutor Gori, que veio diretamente de Tóquio (Japão) para tentar capturar o monstro e determinar a sua origem, que pode ser pré-histórica ou que tenha surgido a partir de sucessivas explosões nucleares mal sucedidas, ocorridas na Sbórnia. Como a aranha veio parar aí? Eis o mistério...

Um comentário:

Weimar Donini disse...

Tenho um palpite de que ela esteja morando na gruta do monsenhor Assis, ali mesmo em Ernesto Alves. Será?