quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Meus livros

Alguns amigos me questionam o porquê de até agora eu não ter lançado nenhum livro, apesar de já ter escrito bastante coisa. E há poucas semanas, com a realização do Fórum de Literatura, foram vários que me direcionaram a mesma pergunta: "quando vai lançar teu livro"? Algumas dessas pessoas foram o jovem Andrei Rodrigues Lopes e a querida Therezinha Lucas Tusi.

Pois bem. Como já tinha deixado escapulir numa postagem anterior, sim, estou produzindo um livro. E acredito que dentro de uns três meses eu deva lançá-lo. Só que a minha intenção é suceder esse lançamento com outros, consecutivos. Assim, dentro de um ano pretendo lançar outros três ou quatro livros, sendo que dois deles estão prontos (só nos arremates) e outros dois eu estou desenvolvendo. Posso falar sobre o que é? Sim. Não há problema.

O primeiro livro será de contos. O segundo será de crônicas. O terceiro será uma história sobrenatural. O quarto será sobre filmes e cotidiano e o quinto será uma aventura juvenil interativa. Mais, não posso falar (ou não quero falar...)

Porque até agora não havia lançado livros e, de repente, estou com cinco praticamente prontos? Uma, lançar livro custa caro. Duas, meu senso crítico é bastante severo com o que escrevo. Portanto, se não agrada sequer a mim, certamente não agradará a leitor algum. Tem muitas coisas que eu escrevo que me dá vontade de vomitar. Já outras, me agradam.

Por ora, fico satisfeito de ver que nossa cidade está num bom momento de sua literatura com o lançamento para breve de livros de autores como o Oracy Dornelles (dia 27 de fevereiro), Alessandro Reiffer, Giovani Pasini e Froilam Oliveira. Em breve também, haveremos de lançar um livro chamado "Rotação Literária", reunindo o trabalho de novos escritores que tiveram seus contos, crônicas, artigos e poesias publicados no jornal Expresso Ilustrado.

Nenhum comentário: