quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Ernesto Alves: um paraíso ecológico



Em sua crônica A Raiz no Pampa, o escritor Caio Fernando Abreu se refere a Ernesto Alves como "um paraíso ecológico felizmente desconhecido". O distrito de Ernesto Alves, interior de Santiago, é um paraíso ecológico pouco visitado. Com isso, suas características tão singulares seguem preservadas.

Adoro Ernesto Alves. Ao cruzar por aquela ponte metálica sobre o rio Rosário, tenho a sensação de estar entrando numa daquelas paisagens bucólicas das revistinhas do Chico Bento. Lá tem mata nativa em abundância, morros, trilhas, mirantes belíssimos, árvores, pássaros, ar puro e um rio que nos convida para um mergulho.



Fora isso, tem aquelas casas bem antigas, construídas no início do século passado e que ainda preservam suas características. Algumas até tem a fachada toda feita de pedra.

Outra coisa que me encanta em Ernesto Alves: algumas ruas são cobertas de grama.

Grama!!! Isso é o máximo!

Além de quê, é muito bom conversar com os moradores de lá, sempre amistosos com os visitantes.

Mas tem outra coisa que me encanta ainda mais em Ernesto Alves: o céu. À noite, desconheço lugar que ofereça uma visão mais bela da via láctea. É possível viajar em meio ao brilho estrelas, meteoristas e luares inacreditáveis. Eventos belíssimos que, na cidade, passam despercebidos, mas que, em Ernesto Alves, ganham mais encanto.

O distrito seria o local perfeito para a criação de um observatório de estrelas, pois os morros ao redor favorecem essa prática, impedindo que as luzes urbanas ofusquem o brilho das estrelas. Outra coisa que seria perfeito de se ter em Ernesto Alves: um pequeno zoológico e um museu da história do próprio local.

É por isso que recomendo uma visita a Ernesto Alves a todos que busquem um descanso para o próprio espírito e que saibam apreciar a natureza de forma respeitosa, aproveitando de tudo aquilo que ela oferece num único lugar. É um paraíso ecológico que, sim, merece ser descoberto.

Um comentário:

Ana disse...

Adorei ver Ernesto Alves... tenho saudades...minhas raizes , minha história começou em Ernesto Alves...