segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Sobre a ExpoSantiago

Sábado fui na ExpoSantiago junto com a Tainã e o Iuri. Ficamos por lá algumas horas, demos algumas voltas pelos estandes, mas acabamos mesmo ficando um bom tempo foi na praça de alimentação. Achamos um lugar bem do lado da barraca de capeta, pois queríamos beber alguns drinks. E realmente as barracas não pareciam fazer distinção de idade, pois menores de idade realmente compravam bebida à vontade por lá. Não achei "grandes coisa" a feira, mas também não me desagradou. Ficou no meio termo, na meia-boca. Não me surpreendeu, nem me decepcionou, porque achei que estaria aquilo lá mesmo. Pensei em voltar no domingo, mas não aconteceu. Pensei em voltar lá na segunda, mas não estou com vontade. Resultado: ExpoSantiago para mim foi só aquele dia. Talvez, no ano que vem eu volte lá. Ou não.

2 comentários:

Anônimo disse...

Porque tu falaste para o Joao lemes que "infelizmente" só tem o chaparral para fazer o festival?
infelizmete? não entendi.

Márcio Brasil disse...

Olá! Em verdade, não mandei comentário nenhum sobre o festival da música crioula ou o Chaparral. Não dou a mínima para o Festival da Música Crioula e pouco me importa onde ele seja realizado, desde que seja num lugar onde eu não esteja.

O comentário deixado no blog do João usou meu nome, mas não fui eu. Respeito, mas não gosto de música gaúcha.