terça-feira, 1 de setembro de 2009

Para sempre teu, Caio F.


A escritora e jornalista Paula Dip acaba de lançar pela Editora Record, de São Paulo, o livro "Para Sempre Teu, Caio F". A obra tem mais de 500 páginas e é um sincero relato sobre a vida e a obra do escritor santiaguense Caio Fernando Abreu. A autora, que era muito amiga dele, reuniu suas cartas, conversas e memórias. Ela conta desde a saída de Caio de Porto Alegre até a vida em São Paulo, onde trabalhou na revista Veja e conviveu igualmente entre celebridades e comunidades hippies.
-----
Caio costumava se assinar como Caio F., em suas cartas. Era uma brincadeira que fazia, em referência com Christiane F.
-----
O escritor santiaguense Oracy Dornelles é amigo da autora, Paula Dip, que lhe enviou um exemplar de presente.
-----
Gostei de ouvir o vereador Davi Vernier falando na Câmara de Vereadores sobre a necessidade de valorizarmos mais a memória e a obra de Caio Fernando Abreu. Ele disse que temos, sim, que reforçar o título de "Santiago, terra dos poetas", mas muito mais o status de sermos a "cidade de Caio Fernando Abreu". Uma inteligente observação do vereador e que merece aplausos.
-----
A Câmara de Vereadores de Santiago anunciou que vai construir o auditório multicultural Caio Fernando Abreu. Fico extremamente feliz com essa notícia. Afinal, fazem dois anos que eu sugeri essa ideia para os vereadores. Na época, existia a intenção do prédio ao lado da Câmara ser demolido, o que considerei um desperdício, pois o local poderia ser aproveitado e reformado. Além de que, poderia ser feita uma justa homenagem para Caio F.

Um comentário:

Anônimo disse...

Quanta hipocrisia! ¬¬