quinta-feira, 27 de agosto de 2009

O romantismo das noites de inverno...


Sim, as noites de inverno são mais românticas, são mais bonitas. As estrelas parecem brilhar mais e, na verdade, a sensação de frio parece nos aproximar até mais das estrelas.

- Alguém já levou você para mais perto das estrelas?

As noites de inverno são reflexivas e contemplativas. As noites de inverno são frias e, por isso mesmo, nos fazem buscar o calor, o aconchego, a luz. O inverno é, sem dúvida, lindo. As noites de inverno refletem a frieza de minha alma, endurecida pelo frio de noites de inverno chorosas, dolorosas.

As noites de inverno são propícias para sopa, chocolate-quente, cobertor. As noites de inverno me fazem andar de chinelo e de meias, mesmo sendo uma infeliz combinação (dentro de casa. Não há problemas...). As noites de inverno me fazem pensar em comprar um casaco novo.

As noites de inverno nos colocam as mãos dentro dos bolsos. As pontas frias dos dedos. A luva não vence. O ressecamento dos lábios. Manteiga de cacau resolve. (Ou um beijo?).

As noites de inverno chegam a zero grau. Fazem desejar que caia neve. Só que nunca neva. Never. Faria um boneco feio, igual aos dos filmes. Bobo. Jogaria uma bola gelada em alguém. Só para ver sorrir. Só para ter de me esquivar da desforra. Tornar quites. As noites de inverno podem ser mais quentes que as mais quentes noites de verão.

Eis o charme das noites de inverno. (que são românticas). Por tudo o que eu disse e por tudo o que ficou subentendido. As noites de inverno não precisam de explicação. As noites de inverno são o que são. E, sim, são românticas.

2 comentários:

Tainã Steinmetz disse...

São lindas...

Melo disse...

Tb prefiro as noites românticas de inverno!