terça-feira, 5 de maio de 2009

O bocaberta


Que droga. Hoje estou de ódio comigo. Há poucos instantes abri o orkut e me dei conta que eu dei uma mancada sem tamanho e vou contar no blog para que saibam que eu dou minhas "bocaberteadas". Há alguns dias, fui gentilmente convidado pelo professor Ronaldo, do Medianeira, a participar de uma aula dele e conversar com os alunos, o que aceitei de muito bom grado, a exemplo do que já havia feito outras oportunidades nas escolas Sílvio Aquino, Alto da Boa Vista e também no próprio Medianeira.

Eis que o bocaberta (em Santiago do Boqueirão a gente não diz boquiaberto, diz "bocaberta", que significa o mesmo que tonto, abestado) aqui salvou a data na agenda do telefone: 05 de maio, 10h. Pois bem, sexta-feira, eu ainda encontrei a minha amiga Lígia Rosso, que também é professora no Medianeira e comentei com ela "ó, terça-feira vou lá no colégio participar da aula do professor Ronaldo", ao que ela respondeu "bah, que tri". Pois é. E agora de noite, acessei o orkut e encontrei um recado do Ronaldo que me fez ficar vermelho-roxo-azul de vergonha. Ele perguntou o porquê de eu não ter aparecido, se havia acontecido alguma coisa. Houve: o bocaberta do seu Márcio achava que seria terça-feira!!! Que ódio de mim!! Irresponsabilidade. Bocabertice. Paspalhice. Falta de atenção. Só me resta pedir mil desculpas.

Nenhum comentário: