sexta-feira, 3 de abril de 2009

Só café

Cheguei em casa com fome. Esquento a água para tomar café, enquanto entro para o chuveiro. Depois, preparo uma xícara de café. Olho para o pão, margarina e queijo na geladeira. Olho para a xícara de café. A gula me diz que o café só vai fazer sentido se tudo aquilo estiver junto. Seria uma forma de premiar o meu primeiro dia de regime, afinal, comi pouco, passei fome e só pensei em comida o resto das horas.

Quem sabe, só o pão com manteiga, sem queijo. Mas me dou conta: o pão é o vilão da história, tá crivado de carboidratos malvados ali, escondidos. E a margarina, então? Pura gordura vegetal, essa safada. Olho para o queijo, branquinho, meigo e inocente. Ele poderia muito bem acompanhar minha xícarazinha de café sem causar maiores problemas. Mas sei que se fizer isso, estarei negociando com a minha gula. Resolvo tomar só o café. Com adoçante.

Esse regime me mata.

Nenhum comentário: