sábado, 28 de março de 2009

Sobre fotografia

Eu gosto muito de fotografia. No entanto, só tenho feito isso ocasionalmente, mais no campo da individualidade artística. Em termos de reportagem, procurei sempre me inspirar em fotografias publicadas na Zero Hora, Veja e outras publicações e tentar criar um estilo nesse segmento. Gostava muito da fotografia noticiosa e me aprimorei nisso, mas chegou um ponto em que não tive mais motivos para evoluir, a não ser por minha satisfação pessoal. Uma coisa que nunca gostei de fazer e faço muito mal é fotografia de sociedade. Detesto aquelas coisas de tirar foto de gente em boates, festas sociais etc, é pavoroso. Aliás, se tem uma coisa que eu não olho em jornal nenhum é foto de social. E também não gosto de páginas policiais, não gosto de saber quem matou, quem morreu, quem roubou, quem foi preso. São dois lados do ser humano que não me agradam: o glamour, a vaidade e o outro lado, da perversão.

Nenhum comentário: