sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Ladrões por um dia


O crime não compensa. Na manhã desta sexta-feira, mesmo morrendo de sono, havia planejado assaltar o caixa-eletrônico de um banco, junto com os companheiros Sandro e Cassal. E fomos, prontos para lucrar uns vinte mil reais no mínimo. No entanto, a ação da Brigada Militar acabou frustrando os nossos planos. Fomos descobertos e presos.

Voltando a fita: tive a satisfação de ter sido convidado pelo capitão Flávio para participar de um treinamento dos novos policiais da Brigada Militar, onde o Cassal, o Sandro e eu nos revezamos como ladrões assaltando uma agência bancária. Os políciais chegavam e faziam a sua abordagem, utilizando das técnicas e mostrando o eficiente treinamento que a polícia possui. Foi uma oportunidade única de conhecer de perto o trabalho de nossos agentes da segurança e perceber o bom trabalho que desempenham.


Passei a manhã toda com os policiais, conversando sobre o seu cotidiano e os perigos que enfrentam. Depois, fui convidado a desfrutar de um saboroso almoço: arroz com galinha, pão e salada. Essa oportunidade de estar junto aos brigadianos me permitiu estreitar laços de amizade e reconhecer a importância de seu trabalho.

Para os policiais, o treinamento do qual participei foi encarado com muita seriedade e profissionalismo. Para mim, foi uma oportunidade de lembrar de uma brincadeira que muito preencheu as tardes de minha infância: brincar de polícia e ladrão.

2 comentários:

A. R. T. disse...

Barbaridade!!! Haha, ficaram legais as fotos!

giovani disse...

show de bola
quem não lê o blog e fica apenas com as fotos do fecabook, crê cegamente que a prisão foi um fato real...
brçs