segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Aizá eu!!!


Neste sábado, 23 de agosto, acontece a festa dos Melhores do Ano, evento que é promovido anualmente pelo jornal Expresso Ilustrado e que premia as empresas e os profissionais mais lembrados, através de pesquisa de opinião pública. Estava conferindo a lista dos votados e vi que obtive votos em três importantes categorias. Fui votado como Melhor Fotógrafo, em cuja categoria venceu a Neide Bertazzo, da Perfil (até me surpreendi em ser votado nesta categoria já que pouco tenho feito fotos); obtive votos como Destaque Cultural, cuja vencedora foi Enadir Vielmo (amiga que tanto amo e admiro e que outro dia me xingou porque a gente se via tanto e hoje tão pouco nas atividades do Centro Cultural) e também fui votado como Expressão do Ano, cujo vencedor foi, mais uma vez, o prefeito José Francisco Gorski. Além disso, o Movimento Juventude com Atitude também foi lembrado, sendo votado como Destaque Cultural. Creio que é importante saber que as pessoas depositaram o seu voto e notaram algum esforço, algum mérito em meu trabalho. Portanto, isso me enche de orgulho e aumenta a minha responsabilidade de buscar um caminho de amadurecimento pessoal e profissional. Nem sempre é fácil, pois eu sou teimoso que nem uma mula, cabeça-dura e eu erro, erro, acerto, errro, erro, acerto, errro, erro e acerto...


O ser humano é uma criatura frágil e terrível. Um dia eu aprendo a acertar mais e errar menos. (Quando começar a chamar meus erros de experiência). Até lá, terei cansado de errar tanto, mesmo. Mas valeu pelas pessoas terem lembrado de mim. Não vou ser demagogo de dizer que, bah, nem mereço tanto, pois eu acho que se fui lembrado é porque fiz por merecer. Afinal, eu conheço tanto as minhas virtudes, quanto as minhas limitações...

Nenhum comentário: