quinta-feira, 6 de março de 2008

O mundo é delas


Não há dúvidas de que são elas quem dominam o mundo. Para início de conversa, à esse planetinha perdido no universo damos o nome de Terra. A Terra. "A". (Olha aí elas). Tudo bem, você pode até argumentar que quem criou tudo isso e o resto foi Deus. "O" Deus? Acontece que tenho sérias dúvidas de que "Ele", na verdade é "Ela". Afinal, se Deus (a) criou os humanos à sua imagem - e tendo ele o poder de gerar a vida- a quem mesmo ele concedeu dom semelhante? À elas. Além de, claro, ter lhes concedido beleza, delicadeza, intuição, inteligência etc. Sem dúvida elas, além de mandarem no mundo (e consequentemente em nós), tem acesso privilegiado a quem as criou. OU seja, se Deus fosse um provedor de Internet, nós homens teríamos uma simples conexão de linha discada (aquela que muitos só usam depois da meia-noite, do barulho irritante Uiuiuiiiiiiiirrrrrr...), já as mulheres navegariam com ADSL Banda Larga, 24 horas. (E sem o barulhinho).

É por isso que somos a minoria. Pode pesquisar, há muito mais mulheres do que homens. E, para não nos sentirmos inferiores, criamos esse tal de Dia Internacional da Mulher, oficializando à elas, apenas um dia, como se os outros 364 fossem "nossos". Ledo engano. As mulheres mandam em nós, tanto na segunda quanto no sábado, seja na forma de mães, namoradas, esposas, sogras ou chefas. Por causa delas assistimos Smallville (ai, ai...os belos olhos da Lana), por causa delas compramos flores, por causa delas fazemos a barba. Elas dominam nossos atos durante 364 dias e ainda ganharam de lambuja, um dia só "delas". Onde as reverenciamos. Parece deboche. Em todos os dias do ano, carregamos móveis, consertamos coisa, limpamos o pátio e as levamos para onde querem. Precisamos urgentemente criar um "Dia do Homem". Antes que elas resolvam ocupar todos os outros.


PS- A crônica acima é uma sátira. Ou um alerta.

Um comentário:

Lígia Rosso disse...

Oi Márcio!

Muito lindo teu texto em homenagem a nós mulheres! Entendi o que tu quis dizer, a mensagem que desejou passar em cada linha dessa crônica. Sei que você é um homem que busca entender a alma feminina e isso faz toda diferença. Continue assim. Ter você como amigo do coração e poder contar contigo é motivo de grande alegria.
Acredito Márcio que homens e mulheres precisam dialogar entre si, e é isso que tem comprometido a qualidade dos relacionamentos, pois, antes de qualquer coisa, somos seres humanos em construção, em evolução. Não existe o mais ou o menos, simplesmente somos o que somos: mulheres E homens em busca de uma vida melhor. Fica com Deus meu amigo, tudo de bom!
Lígia.