terça-feira, 14 de agosto de 2007

Corede

Tenho acompanhado bem de perto a luta pela criação do Corede Vale do Jaguari. Desde o início do ano, vejo o empenho e o esforço do presidente da Câmara, Diniz Cogo, em unir prefeitos, vereadores e instituições da região em prol dessa idéia, de criação do Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Jaguari. É uma luta antiga, como ele faz questão de dizer, sempre nominando quem levantou essa bandeira anteriormente, como o ex-vereador Antônio Bueno, do PT, entre outros. Na semana passada, foi entregue o projeto de criação do Corede na Casa Civil. Todo mundo está unido em função do Corede: URI, Câmara de Santiago, Prefeitura de Santiago e câmaras e prefeituras de Jaguari, Capão do Cipó, Unistalda, Nova Esperança, São Vicente do Sul, São Francisco de Assis, Mata, Manoel Viana, Itacurubi. No entanto, vejo no blog do Júlio Prates uma voz, uma vozinha de um tal de Girelli dizer que o Corede não sai. É o tal do espírito-de-porco, aquele que não contribui nada com nada, que não sabe nada de nada e ainda aparece para criticar. Mas, tudo bem. Quem é esse Girelli, mesmo?

Nenhum comentário: