domingo, 22 de julho de 2007

O que penso sobre futebol

Ok. Vou começar light. Todo brasileiro é apaixonado por futebol, certo? Hmm. Neste caso, me incluo nas excessões à essa regra. Não dou a mínima para futebol. Para falar a verdade, até tenho uma certa afinidade pelo Grêmio. Mas, também tenho simpatia pelo Internacional, Juventude, Caxias, enfim, qualquer time gaúcho. Torço por qualquer equipe gaúcha que esteja jogando contra outro time de fora do Estado. Se Grêmio e Inter se enfrentarem, torço pelo Grêmio. Mas em qualquer outra situação, torço pelo Inter. Vibrei por ele ter conquistado o título de campeão mundial. Vejamos, torço pelo Grêmio, mas se a equipe jogar contra o Juventude, torço pelo Juventude.

E se o Grêmio jogar contra o Cruzeirinho de Santiago, a minha torcida vai ser pelo Cruzeirinho de Santiago. Ou seja, sou um gremista um tanto infame que pouco torce por seu time. Acontece que não tenho o menor fanatismo por futebol.

Continuando: não dou a mínima mesmo para Copa do Mundo. Acho que o povo brasileiro supervaloriza essa porcaria que, mesmo que o Brasil ganhe, não representa porcaria nenhuma em termos de mudança social. A conquista é uma mera vaidade, que não muda a vida de ninguém e, na verdade, desvia a nossa atenção para as coisas que realmente importam. Acho que não vale de nada o Brasil ser Pentacampeão no futebol, se é o país que possui índices vergonhosos na educação, na saúde, na segurança etc.

Ou seja é puramente um orgulho besta ficar se achando porque "somos" pentacampeões. Eu vestiria uma camiseta do Grêmio. Eu vestiria uma camiseta do Inter. Mas jamais uma da Seleção Brasileira. Até porque a Seleção não representa nada do seu próprio povo. É uma equipe elitista formada por gente que é milionária e idolatrada, salve-salve.

Raramente assisto jogos de futebol pela TV. A não ser que eu esteja na casa do Cristiano, do Diniz, do João, enfim, e que a TV esteja ligada e estejamos aí conversando, tomando um mate. Agora, eu, ligar a TV para ver jogo de futebol? Neca. Só ligo a TV para assistir filmes.

Gosto de jogar futebol, sabe? Gosto de correr, de suar, de marcar gol. Uma vez por semana, o Chico e eu marcamos nossos futebolzinhos. Não gosto do futebol pelo esporte em si, mas sim, por me possibilitar um exercício bastante saudável. É o que eu penso sobre futebol.

Nenhum comentário: